+55 (67) 3384-2048
quarta, 11 de dezembro de 2019

Protagonismo do médico na saúde marca discursos de Sessão Solene

24 OUT 2019Por: Fernanda Monteiro10h01
Toninho Souza

Para homenagear 45 médicos de todo o Estado, a Assembleia Legislativa, o Sindicato dos Médicos e a Associação Médica de Mato Grosso do Sul fizeram a entrega da “Medalha do Mérito Médico Dra. Jeanne Elizabeth Wanderley Tobaru”, honraria que foi instituída pela Resolução n°26/2012.

Participaram da solenidade em comemoração ao Dia do Médico deste ano o presidente do legislativo estadual deputado Paulo Corrêa, o deputado propositor Renato Câmara, e os deputados Barbosinha, Eduardo Rocha, Evander Vendramini, Felipe Orro, Gerson Claro, Herculano Borges, Marçal Filho, Marcio Fernandes, Neno Razuk e Professor Rinaldo. E Além dos homenageados, estiveram presentes os seus familiares que lotaram o Plenário Júlio Maia.

O deputado Renato Câmara abriu os discursos da ocasião solene destacando a importância da profissão por meio do médico Valmir Pedroso que fez o parto da dona Regina quando Renato nasceu. Dividindo com o público esse dia que era feriado nacional, o parlamentar evidenciou que os médicos são pessoas de confiança das famílias, têm sentido de solidariedade e são os protagonistas da saúde. “Por isso, em nome da Assembleia quero fazer o reconhecimento aos profissionais que não desistem de mudar o mundo”, finalizou Câmara que entregou a medalha do mérito para Valmir e também para o presidente do Sinmed MS, Marcelo Santana Silveira.

O médico e representante Marcelo Santana Vieira disse que a homenagem é incentivadora para a categoria justamente num momento delicado para a medicina e o futuro da saúde no País, onde nos últimos anos houve a abertura indiscriminada de cursos, principalmente em cidades fronteiriças. De acordo com o presidente do Sinmed MS, a precariedade do ensino vai além: “o Itamaraty estima mais de 70 mil brasileiros cursando medicina no exterior. O problema é que o Brasil não possui controle ou avaliação dessas faculdades. Por isso dizemos sim ao Revalida e sim à MP 890/2019”, defendeu.

Ainda segundo Vieira, é preciso moralizar a medicina brasileira, regularizar o vínculo empregatício do médico e acabar com as condições adversas de trabalho como falta de material e de local adequado de atendimento, atrasos salariais e violência física, verbal e mental diária, principalmente no serviço público. “Muitas vezes somos culpados porque somos protagonistas como disse o deputado Renato Câmara. Mas as forças se renovam em dias como hoje. Parabéns aos amigos heróis, homenageados ou não nesta noite, concluiu o presidente do Sinmed MS.

Você pode assistir a solenidade na íntegra em: https://www.youtube.com/watch?v=eVsFHjq6jas

Comentários
Veja Também