Semana Nacional do Doador Voluntário de Sangue tem apoio da Associação Médica deBrasília (AMBr)

    Em 25 de novembro foi comemorado o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue e também lançada a Semana Nacional do Doador Voluntário de Sangue – que vai até o dia 29. Em diversas cidades do País, os hemocentros deram início às campanhas de incentivo à doação de sangue, ato que beneficia centenas de vidas.

    Na quinta-feira (28), a Associação Médica de Brasília (AMBr) veste a camisa da campanha e irá até o hemocentro mostrar que os profissionais da saúde também estão dispostos a contribuir para os bancos de sangue. Cerca de 20 colaboradores da associação irão até o hemocentro de Brasília para doar sangue. Para o presidente da AMBr, Luciano Carvalho, o objetivo é incentivar a doação de sangue, que ainda não é tão comum entre a população. “É algo muito simples, mas traz um benefício incalculável. A AMBr faz questão não só de apoiar a semana, mas de aderir e colaborar”, afirma.

    Para ser doador de sangue, é preciso observar algumas condições: ter entre 16 e 67 anos de idade (16 e 17 anos, mediante consentimento formal do responsável legal); pesar acima de 50 quilos (descontar o vestuário); ter dormido pelo menos 6 horas, com qualidade, na noite anterior à doação; não praticar exercícios físicos nas 12 horas anteriores à doação; não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação; não ter se submetido à endoscopia há 6 meses; não ter feito tatuagem, piercing ou maquiagem definitiva há 12 meses; evitar fumar 2 horas antes da doação; e apresentar documento oficial com foto, em bom estado de conservação e dentro do prazo de validade. Os documentos aceitos são: carteira de identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista, carteira nacional de habilitação, passaporte, carteira profissional emitida por classe ou carteira do doador da FHB. Não serão aceitos crachás funcionais e carteiras estudantis.

Adicionar comentário