Médicos legistas iniciaram paralisação nesta segunda-feira (24)

    Os médicos legistas que atendem no Departamento Médico Legal (DML) de Vitória decidiram paralisar todos os serviços nesta segunda-feira (24), às 20 horas. A decisão aconteceu depois de uma reunião, realizada hoje (24), entre os SIMES e médicos Legistas. A proposta que o governo do estado propôs não atendeu aos pedidos da categoria, por isso os legistas decidiram pela paralisação total .

    Hoje carreira de médico legista está desestimulando os médicos, que estão partindo para outros concursos. “Quando o governo do Estado abre concurso para médico da Secretaria da Saúde, o médico legista faz o concurso e abandona essa carreira, que não é atrativa”, explica o presidente do SIMES Dr. Otto Baptista.

     A categoria estava em operação padrão, mas dessa vez, no entanto, os médicos legistas pararam todas as atividades por tempo indeterminado, segundo eles, sob ameaça de prisão. Todos os médicos estarão na porta do DML, à disposição da Justiça e da polícia, para que seja cumprida a liminar.

     A categoria reivindica melhores salários, contratação de mais profissionais e melhoria na estrutura física e nas condições de atendimento à população.

Adicionar comentário