Entidades se reúnem com planos de saúde para debater honorários

    As entidades Médicas sul-mato-grossense: Conselho Regional de Medicina (CRM), Sindicato dos Médicos (SinMed/MS), Associação Médica e Academia de Medicina, se uniram para reivindicar melhorias nos honorários pagos pelos planos de saúde para a categoria do Estado.

     “Reunimos todas as entidades e sociedades médicas para em conjunto reivindicar a implantação da CBHPM (Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos) vigente e valorização. Temos visto que em Mato Grosso do Sul há alguns planos que pagam a 3º edição do CBHPM, enquanto já estamos na 7º”, afirma o presidente do Sindicato dos Médicos, Valdir Shigueiro Siroma.

     De acordo com o Presidente do Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul (CRM/MS), Alberto Cubel Brull Junior, alguns planos estão pagando a 6º edição, nestes casos a defasagem é pequena, no entanto é necessário que o acordo seja feito o quanto antes, para que a diferença não fique tão distante. “É importante que negociemos o quanto antes, para que não haja dificuldade nas futuras negociações. Esses valores são atualizados anualmente, precisamos segui-los”.

    Participaram da reunião as sociedades de Urologia, Cardiologia, Pediatria, Alergia, Radiologia, Acupuntura, Reumatologia, Homeopatia, Psiquiatria, Ginecologia e Obstetrícia assim como, os planos de saúde Unidas e filiadas, São Francisco Saúde, Santa Casa Saúde, Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) e Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande (IMPCG).

     Ficou definido, durante a reunião, que as operadoras dos planos de saúde serão oficiadas ainda esta semana e terão um prazo de aproximadamente 15 dias para se pronunciarem.

Adicionar comentário