Médicos se reúnem em assembleia para discutir sobre salário defasado

O Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul (Sinmed/MS), realizou ontem (30), assembleia, para definir com os profissionais que atuam junto à prefeitura de Campo Grande três itens relacionados negociação salarial: reajuste do período 2015/2016; Projeto de lei para mudança de nível 15 para o 17, e ampliação do pagamento do Adicional de Responsabilidade Técnica – ART, para os médicos contratados.

Em relação ao reajuste 2015/2016 a categoria decidiu pela reposição inflacionária do período de acordo com o IPCA – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, o que gera no total uma correção de 17,08%.

Foi debatida também a ampliação do benefício do Adicional de Responsabilidade Técnica – ART, para os médicos contratados, pois atualmente esta gratificação é apenas para os concursados. “Entendemos que todos precisam ser beneficiados pelo ART. Esta é uma forma de incentivar os profissionais a atuarem na rede pública”, explica o presidente do Sinmed-MS, Valdir Shigueiro Siroma.

Outra pauta discutida foi sobre a mudança de nível 15 para o 17, tema esse que já havia sido acordado judicialmente com a Prefeitura Municipal, porém ainda está pendente. A próxima assembleia ficou definida para amanhã (01), às 19h, na sede do Sinmed-MS.

Veja as fotos

Adicionar comentário