Departamento Jurídico do Simes conquista vitória trabalhista individual

O Departamento Jurídico do Sindicato dos Médicos (Simes) interpôs reclamação trabalhista com o objetivo de garantir o adicional de insalubridade e demais verbas trabalhistas devidas a médico que fora dispensado sem justa causa. Requereu, ainda, que a empresa retificasse o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) para incluir o risco biológico, tendo em vista que nunca efetuou o pagamento a título de adicional de insalubridade e não contemplou o risco biológico. O profissional exercia o cargo de médico do trabalho no ambiente laboral da empresa.

O juízo de primeiro grau julgou procedente os pedidos iniciais e condenou a empresa ao pagamento de insalubridade em grau médio a ser calculado sobre o salário básico do médico, com reflexos nas demais verbas trabalhistas (gratificações natalinas, férias acrescidas de 1/3, FGTS).

O advogado responsável pelo Departamento Jurídico do Simes, Dr. Télvio Valim, ressaltou a importância da vitória alcançada em primeiro grau pela atuação do Sindicato. ‘Sabemos que nem toda a categoria médica toma conhecimento de nossas ações, principalmente quando o assunto são as reclamações trabalhistas individuais. O médico precisa saber que o Sindicato pode defendê-lo não apenas em ações movidas para a categoria, como, também, luta diariamente para garantir o direito individual de cada médico, em qualquer âmbito, mesmo tendo como especialidade a luta pelos direitos trabalhistas.’, relembrou o advogado.

Mais uma vitória importante para a categoria médica!

Adicionar comentário