Semana de luta contra o PLP 257/16

Centrais sindicais e sindicatos de diversas categorias e unidades da Federação, incluindo o SindMédico-DF, começam hoje uma série de atividades com foco em Brasília e repercussão em todos os estados, contra o Projeto de Lei Complementar (PLP) 257/2016.

Com o objetivo de de resolver os problemas das dívidas públicas de estados e municípios, o projeto, de autoria da Presidência da República, desmonta os serviços públicos em geral, inclusive da União, com prejuízos graves para toda a população, especialmente para as camadas mais necessitadas.

Uma mobilização, com visitas aos gabinetes dos deputados e uma concentração de servidores no Senado Federal, acontece no dia 11 de abril, durante a realização de audiência pública sobre o PLP 257/16, na Comissão de Direitos Humanos, às 15h.

A principal deliberação da plenária nacional foi a paralisação geral em todos os serviços públicos brasileiros nos dias 13 e 14 de abril. No dia 13 haverá mobilizações unificadas nos estados. Aqui no Distrito Federal a concentração é a partir das 15h, na Catedral, com marcha de servidores públicos até o Congresso Nacional.

O representante da FENAM, diretor de Saúde Suplementar, e também representante do SindMédico-DF, Antonio José dos Santos, estará presente na reunião.

Adicionar comentário